pagina inicial Petrobras
Tartarugas Marinhas
Visite o Tamar
O que fazemos
Onde estamos
Mais informações

Guy Marcovaldi ganha prêmio internacional de fotografia

29/10/2010 - Com esta foto, o coordenador nacional do Tamar/ICMBio, oceanógrafo e fotográfo Guy Marcovaldi, ficou no primeiro lugar do 2010 Ocean in Focus Conservation Photo Contest. Leia mais. ↓

O coordenador nacional do Projeto Tamar/ICMBio, oceanógrafo e fotógrafo Guy Marcovaldi, ficou no primeiro e segundo lugares no 2010 Ocean in Focus Conservation Photo Contest. Promovido pela SeaWeb – Leading Voices for a Healthy Ocean, o prêmio anual é concedido à melhor fotografia sobre conservação dos oceanos do mundo, e que passa a integrar o banco de imagens Marine Photobank.

A SeaWeb é uma organização internacional, sem fins lucrativos, que trabalha com a comunicação para criar a cultura da conservação dos oceanos. O objetivo do prêmio é reunir registros dos impactos humanos no oceano para conservar a vida marinha.

A fotografia ganhadora retrata tartarugas marinhas mortas, capturadas por uma rede de pesca. De acordo com Guy Marcovaldi, cerca de 17 tartarugas estavam presas à rede. Com a ajuda de pescadores, foi possível retirar a rede do mar e observar o que havia ocorrido.

A pesca incidental por diversas artes de pesca é uma das principais ameaças às tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil. Desde 2001, o Tamar desenvolve programas buscando soluções para minimizar o problema, como os observadores de bordo, substituição de anzóis J por anzóis circulares e campanhas educativas.



A fotografia que ficou em segundo lugar retrata um albatroz capturado por um anzol. Explicando o contexto em que a foto foi tirada, Marcovaldi fala sobre a triste realidade que testemunha, quase todos os dias, quando sai ao mar em viagens de pesquisa:

“Linhas de pesca são uma grande fonte de captura e mortalidade de tartarugas marinhas e albatrozes. Para esta foto em particular, a pesquisadora Tatiana Neves, do Projeto Albatroz, me mostrou um animal capturado. Eu, sinceramente, prefiro belas fotografias, de animais vivos e, melhor ainda, ligados às pessoas. Mas entendo que também precisamos mostrar os fatos tristes que fazem parte da realidade. Esta é uma cena comum que acontece todos os dias nos espinhéis”.

Leia entrevista com Guy Marcovaldi, no site da SeaWeb.

Tartaruga Oliva

Fernando de Noronha - PE

Centro de Visitantes

Mais informações - Visualizar informações anteriores

Petrobras