pagina inicial Petrobras
Tartarugas Marinhas
Visite o Tamar
O que fazemos
Onde estamos
Mais informações

Tamar Florianópolis recebeu a visita das embaixatrizes da União Europeia

03/06/2016 - A comitiva também participou de uma soltura de tartaruga reabilitada. Leia mais. ↓

No dia 30 de maio de 2016, o Projeto Tamar Florianópolis recebeu a visita da comitiva das embaixatrizes da União Europeia. As embaixatrizes estão no Brasil, juntamente com os Embaixadores da União Europeia, participando das comemorações da XII Semana da Europa. A Semana teve uma ampla programação distribuída em onze capitais brasileiras e teve a participação de representantes da Bélgica, Portugal, Espanha, Suécia e dos Países Baixos. Em Florianópolis, o Tamar foi o único projeto socioambiental escolhido para visitação. 

A visita ao Tamar foi com a bióloga Camila Tretin Cegoni, que explicou sobre o que se faz no Brasil há 35 anos para proteger as tartarugas marinhas, sobre as ações educacionais e sociais que são realizadas, e sobre a integração com as comunidades costeiras na pesquisa e conservação desses animais ainda ameçados de extinção em todo o mundo.

Logo após a visita guiada, o grupo pôde acompanhar a soltura de uma tartaruga marinha reabilitada na praia. A tartaruga foi capturada em rede de pesca e trazida ao Projeto Tamar pelo próprios pescadores. Ficou cerca de 7 dias em reabilitação até estar apta para voltar para a natureza. Após a soltura, puderam acompanhar a alimentação das tartarugas e ao final do dia as embaixatrizes entregaram uma doação ao Projeto Tamar, que foi arrecadada no Bazar Europeu realizado em Brasília/DF. Para a embaixatriz de Portugal na União Europeia, Jessica Hallett, "a visita foi muito emocionante, não só pelo dia de hoje, mas pelo que a equipe do Projeto Tamar faz dia a dia para conservar o planeta para o futuro, para o nosso futuro, futuro dos nossos filhos e dos nossos netos”.

Projeto Tamar - Criado há 35 anos, o Projeto Tamar é uma soma de esforços entre a Fundação Pró-Tamar e o Centro Tamar/ICMBio. Trabalha na pesquisa, proteção e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção: tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga-de-pente (Eretmochelys imbricata), tartaruga-verde (Chelonia mydas), tartaruga-oliva (Lepidochelys olivacea) e tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea). Protege cerca de 1.100 quilômetros de praias e está presente em 25 localidades, em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso das tartarugas marinhas, no litoral e ilhas oceânicas dos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina. Reconhecido internacionalmente como uma das mais bem sucedidas experiências de conservação marinha do mundo, seu trabalho socioambiental, desenvolvido com as comunidades costeiras, serve de modelo para outros países. O Projeto Tamar tem o patrocínio oficial da Petrobras, através do programa Petrobras Socioambiental, e nos nove estados brasileiros onde atua recebe diversos apoios locais.

Tartaruga de couro ou gigante

Ubatuba - SP

Centro de Visitantes

Mais informações - Visualizar informações anteriores

Petrobras