pagina inicial Petrobras
Tartarugas Marinhas
Visite o Tamar
O que fazemos
Onde estamos
Mais informações

Bordadeiras de Pirambu visitaram o Tamar Praia do Forte

22/06/2016 - Bordando o cuidado com as tartarugas. Leia mais. ↓

Cinco das bordadeiras que iniciaram em 1993 o Grupo de Bordado do Tamar Sergipe visitaram o Tamar Praia do Forte (20/06), fizeram um passeio e confraternização com os colegas baianos. O Grupo faz os lindos adornos e produtos com crochê que estão nas lojas Tamar e ajudam a proteger as tartarugas marinhas em nosso país. Elas conferiram de pertinho para onde vai sua produção, feita com tanto carinho, e que sai de suas casas em Pirambu/SE para o Brasil e para o mundo. Foram elas que desde o começo passaram a espalhar a ideia de que uma tartaruga marinha vale mais viva do que morta, e até hoje é a frase guia para explicar a essência da transformação de mentalidades que vai passando de geração em geração.

Já na saída, a ansiedade: “queremos ver nossos produtos expostos em outro lugar, lugar diferente do da gente!”, falavam praticamente em coro. Elas foram recepcionadas pela equipe do Tamar da Praia do Forte e deram uma olhada nos atrativos, tanto o mar belíssimo que confere um clima todo especial ao lugar, quanto as tartarugas e espaços convidativos para falar delas. “Um dos momentos mais lindos foi a visita à loja”, conta a bióloga do Tamar SE, Jamyle Argôlo, que trabalha diretamente com o Grupo. “A equipe as recebeu com aplausos e sorrisos, muitos agradecimentos, deixando-as bastante surpresas e emocionadas. Muitas perguntas foram feitas às celebridades sobre como o grupo começou e como está vivo e pulsante até hoje. Responderam muito alegremente a tudo que se perguntou, viram sua produção exposta, tiraram fotos, ganharam presentes e muitos abraços e beijos”. Após tamanha emoção, seguiram até o Espaço do Saber para assistir a uma apresentação do Teatro de Fantoches dos Tamarzinhos e bater um papo com a Dona Maria, artesã local que cria há muitos anos junto com o Tamar produtos feitos de palha e de outros materiais.

 

Foi um dia e tanto! A volta para casa foi contando tudo o que viram, sentiram e gostaram de ver pelas bandas da Bahia. “As tartarugas aqui também são bem cuidadas e os nossos bordados ficaram lindos naquela loja grande!”, disse Dona Maria de Lourdes, uma grande líder que faz parte do Tamar desde o comecinho.

O Grupo de Bordado nasceu em Pirambu, em 1993, com essas cinco mulheres, que estão na ativa até hoje bordando à mão a proteção às tartarugas marinhas: Maria de Lourdes, Lindinalva Francisco, Acidália Silva, Maria Alda e Maria Áurea. Em 2005, houve a necessidade de ampliação do grupo para atender às demandas dos novos bordados em crochê. Assim, o Grupo cresceu e acolheu as mulheres de Ponta dos Mangues/SE, em sua maioria pescadoras e/ou protagonistas de suas famílias. Atualmente, são 30 mulheres que produzem peças vendidas exclusivamente nas lojas do Tamar no Brasil, com renda revertida integralmente para elas próprias, as Donas do Bordado.

Tartaruga Cabeçuda ou Mestiça

Oceanário de Aracaju - SE

Centro de Visitantes

Mais informações - Visualizar informações anteriores

Petrobras