pagina inicial Petrobras
Tartarugas Marinhas
Visite o Tamar
O que fazemos
Onde estamos
Mais informações

Tamar Ubatuba realiza 6º Mês da Cultura Popular

05/08/2016 - Programação especial com música, dança, oficinas, contação de histórias, exposições e muito mais! Confira e participe com a gente! ↓

Com o intuito de valorizar as manifestações culturais tradicionais, o Projeto Tamar realiza em agosto o Mês da Cultura Popular. Em sua 6ª edição, o evento conta com uma programação especial recheada de apresentações musicais, danças, oficinas, contação de histórias e exposições, todas realizadas no Centro de Visitantes do Tamar.

A abertura da programação será no próximo dia 06 de agosto, com a oficina de tambores de Crioula do Grupo Cupuaçu. A oficina acontece às 15h e as inscrições são gratuitas (é necessário agendamento prévio pois as vagas são limitadas). Na sequência, às 19h, a apresentação musical de Tambor de Crioula no espaço cultural do Tamar promete agitar o público, com um ritmo contagiante.

Durante o mês de agosto, o Centro de Visitantes apresentará a exposição fotográfica “Gente do Mar”, da pesquisadora Kilza Setti. A exposição retrata o modo de vida das comunidades tradicionais do Litoral Norte de SP, e estará acessível aos visitantes durante o horário de funcionamento do Tamar.

A contadora de histórias Mariza Taguada irá aguçar o imaginário infantil com suas histórias do folclore e da cultura regional, com apresentações às 9h nos dias 9 e 19 de agosto, e às 14h nos dias 11 e 18 de agosto.

No dia 13 de agosto, a programação começa às 19:30 com a Dança da Fita do Itaguá, tradicional manifestação cultural que chegou ao Brasil com os primeiros imigrantes europeus no sul do País. Às 20h é a vez dos índios Guarani da Aldeia Boa Vista realizarem a apresentação de dança e canto indígena, resgatando antigas tradições de seu povo. Finalizando a noite, às 21h é a vez da tradicional Congada de São Benedito, com a ilustre presença de Seu Dito do Puruba que, ensinando aos mais jovens, mantém viva essa manifestação cultural em Ubatuba.

No dia 19 de agosto, as atividades começam às 10h com a oficina e mostra “Como se faz uma canoa e um remo caiçara”, com os mestres canoeiros Renato Bueno e Zé Cobra, que demonstrarão as etapas de construção da canoa e do remo que fazem parte da história e vida do caiçara. No período da tarde, haverá a oficina de bonecas Abayomi, com Anderson Guian, a partir das 14h, e é necessário agendamento prévio, pois as vagas são limitadas. A boneca Abayomi foi criada para as crianças, jovens e adultos na época da escravidão. As mulheres negras confeccionavam essas bonecas com a barra de suas saias, único pano encontrado nos navios negreiros, para acalmar e trazer alegria para todos. Às 15h, o mestre rabequeiro Mário Gato realizará a oficina “Como se faz uma rabeca”, típico instrumento musical utilizado em diversas manifestações culturais da região. Às 17h haverá um tradicional café caiçara e contação de “causos” com a participação especial da caiçara Neide Palumbo. Na sequência, às 20h, sobe ao palco do espaço cultural do Tamar o Fandango Ubatubano e a Dança do Xiba, duas das manifestações culturais mais marcantes da cultura caiçara.

O encerramento da programação do 6º Mês da Cultura Popular do Tamar acontecerá no dia 20 de agosto, a partir das 20h, com duas grandes apresentações musicais: a banda Os Cascudos abre a noite interpretando canções que falam da preservação dos mares, oceanos e tartarugas marinhas. Na sequência, Luís Perequê, músico, compositor e cantor, defensor da cultura caiçara, irá se apresentar com a participação especial de PC Castilhos.

Para a realização do 6º Mês da Cultura Popular, o Tamar recebe o patrocínio da Arcor do Brasil e os apoios culturais do PROAC do Ministério da Cultura do Estado de São Paulo, do Museu Caiçara, do Instituto Silo Cultural de Paraty e da Rádio Vozes. A produção local é da Tita nas Nuvens Produtora.

Criado há 35 anos, o Projeto Tamar é uma soma de esforços entre a Fundação Pró-Tamar e o Centro Tamar/ICMBio. Trabalha na pesquisa e proteção das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção. Tem o patrocínio oficial da Petrobras, através do programa Petrobras Socioambiental, e nos nove estados brasileiros onde atua, recebe diversos apoios locais. Aqui em Ubatuba recebe o apoio da Arcor do Brasil e da Prefeitura Municipal de Ubatuba.

Confira o cartaz (clique p/ ampliar):

SERVIÇO:
Endereço:
Rua Antonio Athanásio, 273 – Itaguá, Ubatuba/SP
Tel.: (12) 3832 6202 / 3832 7014

Horário de Funcionamento do Centro de Visitantes em agosto:
Domingo, 2ª, 3ª e 5ª feiras das 10 às 18 horas;
Feriados, 6ª feira e sábado, das 10 às 20 horas;
4ª feira fechado para manutenção.

Bilheteria:
Inteira: R$ 18,00
Meia entrada (crianças, jovens até 17 anos, estudantes e professores com identificação)
Gratuito (crianças com menos de 1,20m e pessoas com mais de 60 anos, moradores* de Ubatuba
com cadastro prévio)
* devem consultar as regras de gratuidade para moradores na bilheteria do Tamar ou por telefone

Inscrições para as oficinas:
- Oficina de tambor de Crioula: através do email titanasnuvensprodutora@gmail.com
- Oficina de boneca Abayomi : inscrições na hora, por ordem de chegada no local

Tartaruga Cabeçuda ou Mestiça

Oceanário de Aracaju - SE

Centro de Visitantes

Mais informações - Visualizar informações anteriores

Petrobras